O Verão é sinónimo de grandes eventos desportivos. Este ano, os portugueses puderam usufruir de um gostinho especial no Euro 2016… a croissant! E que bem que soube! Mas, não é sobre isso que vamos falar hoje.

Para além do UEFA Euro 2016, os amantes de desporto puderam também desfrutar do aclamado torneio de ténis Roland-Garros. Os canais de social media tornaram-se no court de milhões de espetadores que partilharam as suas emoções, em tempo real. De todos os tipos de conteúdos utilizados este ano, o vídeo acabou por destacar-se e por surpreender. Saiba porquê.

Os fãs do Roland-Garros gostam de ver conteúdos longos

Os utilizadores estão dispostos a despender do seu tempo para ver conteúdos Roland-Garros que têm entre 120 a 149 segundos, ou seja, são mais longos do que o normal. Estes vídeos acabaram por ter mais êxito que os curtos e o canal oficial da prova no Youtube alcançou a marca das 3.8 milhões de visualizações!

O vídeo foi responsável por mais de metade das interações no Facebook

Muitas vezes, em social media, o vídeo é visto pelos marketers como um conteúdo menos popular entre os utilizadores e é também associado a altos custos. No caso dos eventos desportivos, as imagens já são criadas e o Roland-Garros soube aproveitar, através do Facebook. Resultado? Os vídeos geraram 62% do total de ações!

Em suma, surpreendendo tudo e todos, o vídeo mostrou ser o meio mais eficaz para gerar engagement neste torneio. Continue a acompanhar a Connect Mediapost e receba no seu email os conteúdos mais recentes sobre Marketing Digital. Subscreva aqui!

Fonte: comScore